São Paulo – Policiais da 6ª Delegacia Seccional de São Paulo prenderam Paulo Cupertino Matias nesta segunda-feira (16/5), réu acusado de ter matado o ator Rafael Miguel e os pais dele em junho de 2019. A informação é do portal G1.

Matias era o número 1 na lista dos mais procurados da Polícia Civil, e estava incluído também na lista vermelha da Interpol.

De acordo com denúncia do Ministério Público do Estado de São Paulo (MPSP), Cupertino matou o ator e seus pais porque não aceitava o namoro de sua filha, Isabela Tibcherani, que na época tinha 18 anos, com o garoto. O caso ocorreu em Pedreira, zona sul da capital.

Ele foi acusado de triplo homicídio qualificado, mas nunca foi preso. Segundo as investigações, depois do assassinato, ele teria ido para o Mato Grosso do Sul e, em seguida, fugido para o Paraguai. Desde então, não se sabia de seu paradeiro.

Fonte: TV Gazeta

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.