O Clube de Regatas Brasil tentou, mas sucumbiu diante do Ceará na estreia em casa, neste sábado (21), pela segunda rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. Inspirado no meio-campo, o Galo criou inúmeras oportunidades, mas parou no goleiro Éverson e na pontaria falha dos homens de frente. O Ceará foi eficiente, contou com o gol contra de Jussani e fechou o placar de 3 a 0 com Ewerton Páscoa e Bill.

O Galo permanece com três pontos e ocupa a 12ª colocação. O Vozão chega aos quatro pontos e pula para a terceira posição. O CRB visita o Oeste na terça-feira (24), às 19h15, no Estádio Prefeito José Liberatti. O Ceará recebe o Atlético-GO no Castelão, no mesmo dia, às 19h15.

csm_2105_CRB_x_Ceara_-_Brasileiro_serie_B__PF__0085_7484466b20

O torcedor que compareceu ao Rei Pelé viu um primeiro tempo de muita qualidade. Mazola optou por Dakson na vaga de Rivaldo e deu ao meio-campo do Galo uma pincelada de bom futebol. O CRB fez uma de suas melhores apresentações em casa. Mas quem começou assustando foi o Ceará. Serginho bateu escanteio e Marino cabeceou assustando Juliano. Mandante, Gerson Magrão arriscou pela esquerda, mas o chute saiu errado e Neto Baiano quase completa. Ligado no jogo, Juliano fez belo lançamento para Luidy. O atacante arrancou em jogada individual, demorou a dar o passe, se enrolou e perdeu a bola. Levou uma senhora bronca da torcida e de Gerson Magrão, que estava sozinho.

Os visitantes se empolgavam sempre com Serginho e Rafael Costa. Juliano precisou intervir em chute rasteiro. Com boa movimentação dos meias e laterais, o CRB construía as jogadas de pé em pé. O gol não saiu por questão de competência. Do adversário. Iluminado neste sábado, o goleiro Éverson não deixou passar nada. Em chutes de Gerson Magrão, Neto Baiano, Dakson e uma cabeçada fulminante de Luidy, o paredão alvinegro pegou tudo.

Castigo

Buscando mais movimentação, Sergio Soares voltou do intervalo com Baraka na vaga de Marino. A mudança não surtiu efeito. Quem continuou martelando foi o Regatas. Organizado, o meio-campo do Galo permaneceu muito lúcido. Em triangulação entre Neto Baiano, Gerson Magrão e Dakson, o camisa 10 mandou a bola no capricho para o centroavante desperdiçar de cabeça. Bem na fita, Luidy deu um bolão para Dakson finalizar e carimbar a trave. O gol era questão de tempo, e saiu logo em seguida. Só que para o Ceará. Felipe puxou o ataque pela esquerda e cruzou meio sem perigo. Juliano saía para interceptar, mas Jussani cortou antes de cabeça: gol contra.

O CRB ainda tentou um último suspiro de sobriedade com Luidy, só que o dia era mesmo de Éverson. Mazola Jr. trocou Gerson Magrão por Rodolfo na intenção de ganhar velocidade, mas perdeu organização, principalmente depois de substituir Dakson por Bruno Nascimento. O Ceará cozinhou o jogo e foi premiado com o gol de Ewerton Páscoa no final da partida. Ainda deu tempo para Audálio falhar feio na frente do atacante Bill, que não perdoou e sacramentou a goleada improvável.

Ficha técnica:

CRB
1- Juliano
2- Bocão
3- Audalio
4- Jussani
6- Diego
5- Olivio
8- Galdezani
10- Dakson (Bruno Nascimento)
7- Luidy
11- Gerson Magrão (Rodolfo)
9- Neto Baiano (Lucio Maranhão)

Técnico Mazola Jr.
Banco: 12- Bruno 13- Rafinha 14- Adalberto 15- Elton Lira 16- Marcos Martins 17- Lucio Maranhão 18- Rivaldo 19- Wigor 20- Rodolfo 21- Bruno Nascimento

Ceará
1- Éverson
2- Tiago Cametá
3- Sandro
4- Antônio Carlos
6- Thalysson
5- Richardson
7- Serginho
8- Marino (Baraka)
10- Felipe (Ewerton Páscoa)
11- Tomas Batos
9- Rafael Costa (Bill)

Técnico Sergio Soares
Banco: 12- Douglas 13- Eduardo 14- Ewerton Pascoa 15- Baraka 16- Ricardinho 17- Alex Amado 18- Bill 19- Assisinho

Arbitragem
Árbitro: Joelson Nazareno Ferreira Cardoso (PA)
Assistentes: Lúcio Ipojucan Ribeiro da Silva de Mattos (PA) e Rafael Ferreira Vieira (PA)

Gols: Jussani (contra), Ewerton Páscoa e Bill.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.