O Netflix continua com a popularidade em alta, mas isso não significa que o serviço não receba críticas, sobretudo quando se trata da proibição de redes virtuais privadas (VPNs), uma das suas medidas mais polêmicas dos últimos tempos.

Segundo o BGR, o Netflix recebeu uma carta aberta assinada por 45 mil usuários em que é pedido que o serviço de streaming volte a permitir a utilização de VPNs, o qual permitia que usuários pudessem consumir conteúdos de outras regiões.

A proibição das VPNs começou por via dos detentores dos conteúdos disponíveis no Netflix, que procuram licenciá-los individualmente em cada mercado. Na carta, é sugerido que o Netflix trate de licenciar o conteúdo a nível global, uma possibilidade pouco provável considerando que os detentores dos conteúdos procurarão rentabilizar ao máximo com o seu licenciamento.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.