A capela, um dos pontos instagramáveis desenvolvidos pela Prefeitura de Maceió, teve seu primeiro casamento realizado nesta sexta-feira, 21 de janeiro. Adna e Deiwisson celebraram o amor às 4h30 da manhã.

Localizada à beira mar, na orla do Jaraguá, a capelinha é aberta para eventos, como a realização de cerimônias de casamento, por exemplo. O local é utilizado também para registros fotográficos, principalmente ao pôr-do-sol.

“Estamos juntos há três anos e sempre tive o sonho de casar na praia. Quando soubemos da possibilidade de ter casamentos na Capelinha a nossa amiga e cerimonialista Ingrid Lima deu a ideia do casamento acontecer nesse espaço”, contou a noiva, que é estilista e fez o próprio vestido de casamento.

O casamento aconteceu nas primeiras horas do dia e sem convidados, porque os noivos queriam uma cerimônia mais íntima. Além dos fornecedores, estavam presentes a irmã de Adna que levou nos braços o pequeno Davi, 07 meses, com as alianças. Um saxofonista e um violinista conduziram a parte musical do matrimônio.

Outras comemorações já ocorreram no novo ponto turístico. No dia 11 de janeiro, Sob um belíssimo pôr do sol, com largos sorrisos e um olhar emocionado, o casal de empresários Lucianna Maia e Airton Braga foi o primeiro a celebrar uma cerimônia religiosa de renovação de votos, onde comemorou 25 anos de casados, no final da tarde. Já no dia 10 de janeiro o espaço se tornou palco para um chá revelação.

Para os casais que quiserem celebrar a união nesse novo cartão postal da capital alagoana, é preciso se dirigir à Secretaria Municipal de Segurança Comunitária e Convívio Social (Semscs) e solicitar o espaço para a realização do evento. O prédio sede da secretaria está localizado na Rua Alexandre Passos, no bairro de Jaraguá, e o atendimento é feito de 8h às 14h.

A solicitação deve ser feita mediante ofício direcionado à Coordenação de Análise e Licenciamento de Eventos, Publicidade e Utilização Sonora da Semscs, com uma antecedência de pelo menos 30 dias. Junto ao documento, que deve constar a data e a hora da cerimônia, também é necessário ter o croqui da estrutura que será montada, especificando os materiais que serão utilizados.

Após a análise do pedido e do deferimento da vistoria dos fiscais de posturas da Semscs, é emitida uma lista das anuências necessárias dos órgãos municipais e estaduais reguladores de eventos, além da emissão da taxa de utilização sonora. Com essa etapa concluída, a Semscs faz a emissão do alvará de autorização do evento.

Fonte: TV Gazeta

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.