Nesta sexta (20), a família do apresentador acusou Rose Miriam di Matteo de ter deixado os filhos sozinhos nos EUA, ocasião na qual concedeu uma polêmica entrevista à Folha. Agora, o advogado da viúva, Nelson Wilians, desmentiu que a cliente não teria comunicado os filhos sobre a viagem dela e deu sua versão do caso.

“Não é verdade que Rose Miriam Souza di Matteo veio ao Brasil sem o conhecimento dos filhos. Isso é somente para denegrir a imagem da viúva perante a opinião publica”, declarou ele à revista Quem. Nelson alega também que Rose foi coagida a assinar documentos. “Rose foi assediada e constrangida ainda no dia do enterro de Gugu. Seu luto não foi respeitado. Poucas horas após o enterro ela foi constrangida a assinar documentos pelo advogado da família de Gugu”, disse.

Após o ocorrido, a viúva teria até tomado providências jurídicas: “No dia 18 deste mês, ela registrou um Boletim de Ocorrência contra o advogado Carlos Regina, advogado da familia do Gugu”. Quanto ao processo para que sua relação com Gugu seja legitimada, “Rose tem o apoio de sua família para ser reconhecida como esposa e companheira de Gugu”, como afirmou Nelson.

O advogado defendeu ainda que é a família Liberato quem tem tentado colocar mãe contra filhos – herdeiros da grande maioria dos bens. “Os irmãos de Gugu tentam induzir a erro os filhos dizendo que a mãe tirará deles quando, na verdade, aumentará. Rose quer ser reconhecida por sua união estável, que é a realidade e a verdade. Com Gugu vivo, ela era a companheira/esposa dele, com Gugu falecido, é a viúva e herdeira e, agora, os irmãos dele e sobrinhos querem lhe negar isso”, continuou. Além da parcela dos filhos, o restante da herança seria dividido entre sobrinhos do comunicador.

Com informações de hugogloss.uol.com.br

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.