A Operação Lei Seca, que atua na prevenção de acidentes de trânsito provocados pelo consumo de bebidas alcóolicas, divulgou, nesta segunda-feira (3), um balanço das ocorrências das festas de fim de ano. Na última sexta-feira do ano passado, 31 de dezembro, os agentes realizaram uma prisão em flagrante por embriaguez na orla de Maceió, após o resultado do teste do etilômetro apontar 0,37 mg/L.

Além da prisão, foram registradas, no decorrer da operação, oito situações de alcoolemia e recusas ao etilômetro. Dentre os casos, dois testes foram positivos, com resultados de 0,10 mg/L e 0,18 mg/L. Nesses, não houve prisão em flagrante, tendo em vista que é cabível apenas em resultados a partir de 0,34 mg/L e/ou quando o condutor apresenta sinais visíveis de embriaguez e cinco recusas ao teste do etilômetro.

Outras situações registradas foram cinco CNHs recolhidas, 87 abordagens e 98 testes de alcoolemia realizados. Durante as atividades da Lei Seca, todas as medidas sanitárias necessárias foram tomadas para resguardar a população e os servidores contra o covid-19 e demais doenças contagiosas, como a influenza.

Fonte: TV Gazeta

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.