A programação multicultural do São João de Maceió inicia nesta quinta-feira (23), no histórico bairro de Jaraguá, e a Prefeitura realizou uma coletiva de imprensa para apresentar a disposição e estrutura do local que deve atrair um grande público graças às atrações locais e de projeção nacional.

A coletiva teve as participações do secretário Municipal de Comunicação, Lininho Novais; do presidente da Fundação Municipal de Ação Cultural (FMAC), João Hugo Lyra; do superintendente da SMTT, André Costa; secretário-adjunto de Segurança Comunitária e Convívio Social, Alex Pereira; do coordenador da Vigilância Sanitária, Airton Santos; e do produtor do evento, Kaco Lopes.

“Estamos ansiosos para mais apresentações do Massayó: Sol… Mar… Forró, mas agora nos polos Jaraguá e Tabuleiro. Temos um time inteiramente integrado para proporcionar aos maceioenses e turistas o que há de melhor nas atrações multiculturais”, destacou o secretário de Comunicação.

João Hugo Lyra destacou a programação e as apresentações que estarão nos polos de Jaraguá, Tabuleiro e nos palcos do Coreto de Jaraguá e Praça Dois Leões.

“Nosso São João abrange vários gêneros musicais. Teremos desde o hip hop, passando pelo rock, reggae, forró, coco de roda, gospel e atrações infantis. No Coreto do Jaraguá serão 20 grupos de pé de serra. O cachê desses trios é o segundo maior do Brasil, ficando atrás apenas de Caruaru”, disse João Hugo Lyra.

A segurança dos forrozeiros também foi pauta na coletiva. Alex Pereira, secretário-adjunto da Semscs, comentou que a Prefeitura está com o time de segurança todo montado para – junto aos demais agentes públicos e privados – garantir tranquilidade e conforto para todos. Entre os trabalhos desenvolvidos pelo órgão está o de ordenamento dos ambulantes e ações de fiscalização por meio da Guarda Municipal de Maceió.

“Nós contamos com 100 servidores envolvidos diretamente na fiscalização e ordenamento dos ambulantes, distribuídos nos três horários. Também contamos com 110 guardas municipais trabalhando no entorno e interior da estrutura montada”, disse.

Já em relação ao tráfego, o superintendente da SMTT, André Costa, explicou como vai funcionar o trânsito e o transporte público nos dias do evento. O órgão fará uma interdição de 3 km da área dos shows. A orientação é que as pessoas não vão para as festas com seus veículos particulares, pois haverá várias opções de transporte circulando na cidade, especialmente para o São João.

“Haverá pontos específicos para taxistas, mototaxistas, motoristas de aplicativo e vans de turismo. Também preparamos a maior operação de transporte coletivo que Maceió já viu: serão 24 linhas, saindo de todos os cantos da cidade, a partir das 18h, com transporte gratuito para toda a população. Além disso, vamos contar com mais 80 ônibus de reforço, com mais motoristas contratados. E, uma linha expressa temporária, partindo do Maceió shopping em direção ao Jaraguá, disponível até 4h. Esta linha terá um custo de R$10 [ida e volta]”, disse o superintendente.

Com relação à acessibilidade, das 17h às 5h, haverá vans para o transporte das pessoas com deficiência até o portal que dá acesso à arena dos shows. No local, foi reservada uma plataforma de 36 metros quadrados, numa área de 10m x 10m, para acomodar este público de forma adequada. O ponto de partida será em frente ao Hotel Enseada, na Pajuçara.

A saúde dos maceioenses e turistas também é prioridade no São João de Maceió. Todos os dias do evento, de 19h até 00h, haverá o Balcão da Prevenção com distribuição de preservativos femininos e masculinos, além de orientações sobre a prevenção das ISTs. Quatro pessoas estarão no balcão, além de quatro casais matutos e uma drag queen circulando pela festa.

As fiscalizações da Vigilância Sanitária de Maceió contarão com cerca de 20 pessoas, que atuarão de forma preventiva nos pontos estratégicos de comercialização de alimentos nos dois polos (Jaraguá e Tabuleiro dos Martins), das 14h às 19h. Esses ambulantes participaram de cursos de boas práticas, para garantir a higienização e qualidade dos alimentos ofertados nos três polos do São João de Maceió. Essas fiscalizações iniciaram dia 7 deste mês e seguem até o dia 30.

De acordo com Kaco Lopes, produtor do evento, a estrutura do São João de Maceió conta com 35 câmeras de videomonitoramento espalhadas pelo espaço, dois drones e 300 seguranças privados; 200 Rádios em 10 frequências; além de três postos de atendimentos em saúde, com dois médicos e quatro enfermeiros em cada.

E quem for curtir as atrações em Jaraguá precisa estar atento ao que pode ou não levar para o local. “Estará permitido o acesso ao local com chapéu, boné, alimentos industrializados para concurso próprio, copo plástico de água lacrado para consumo próprio, capa de chuva e isqueiro. Fica proibido skate, aerosol, bicicletas, guarda-chuva, drogas ilícitas, fogos de artifício, animais (exceto cão guia), pau de selfie (e similares), isopor (coolers e similares), faixas e cartazes (de nenhuma natureza), objetos cortantes (facas, estiletes, picadores de gelo e similares), garrafas e copos de vidro, armas de fogo, crianças e adolescentes desacompanhados dos responsáveis”, destacou Kaco Lopes.

Fonte: tv gazeta

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.