Além de contemplar a paisagem e tirar boas fotos no Mirante Santa Amélia, o público terá um pôr-do-sol literário no próximo sábado (30). Isso porque a área do balanço gigante será palco do lançamento de dois livros de poesias, com direito à exposição artesanal, um mini sarau com declamação de poesias e música ao vivo.

“O livro de Bia e suas poesias” é a primeira obra da jovem alagoana Maria Beatriz dos Santos Oliveira, 18 anos, e foi escrito durante o tempo em que a escritora esteve, em 2021, na Unidade de Acolhimento Infantojuvenil Luiz Mariano Neto, localizada no município de Campo Alegre.

Hoje, Bia trabalha como jovem aprendiz, pretende fazer um curso noturno de Enfermagem e, no final do ano, fará o ENEM para Medicina. O livro dela foi editado pela Imprensa Oficial Graciliano Ramos.

A outra obra que será lançada é “Odo – Livro Preto de Poesia”, escrito por jovens pretos da periferia alagoana, de assentamentos sem-terra e socioeducandos. Uma iniciativa do Instituto Raízes de África, o livro é resultado de um concurso realizado em 2019.

Segundo a ativista Arísia Barros, coordenadora do Instituto Raízes de Áfricas, Odo (que na língua Iorubá quer dizer juventude) é a primeira obra do gênero em todo Brasil.

“O livro é uma proposta de ruptura, uma ousada forma de legitimação e reconhecimento da literatura de jovens pretos da periferia que escrevem, querem ser considerados escritores como quaisquer outros. E são!”, destacou Arísia Barros.

Fonte: TV Gazeta

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.