Maceió é o sétimo destino mais procurado do Brasil para o Réveillon, de acordo com levantamento realizado pela Decolar, maior empresa de viagens da América Latina. Em relação ao Natal, a capital alagoana cai uma posição e fica em oitavo lugar.

O levantamento da companhia aponta que as buscas por passagens aéreas para o fim do ano cresceram cerca de 63% nas últimas semanas. Para o Réveillon, o destino mais procurado do Brasil é o Rio de Janeiro. Já para o Natal, o destino mais buscado é o Recife. O destino internacional mais buscado é Nova York, tanto para o Natal quanto para o Réveillon.

“Com a flexibilização das restrições, o avanço da vacinação e as divulgações sobre as medidas de segurança no turismo, as pessoas estão mais confiantes para viajar. Observamos esse movimento se ampliando nos últimos dias, com aumento em torno de 60% nas buscas para o período do Natal e de 116% para o Ano Novo. As pessoas estão se programando com mais antecedência e planejando viagens mais celebrativas e de autoindulgência”, disse a diretora Global de Publicidade e Institucional Brasil da Decolar, Bruna Milet.

São Paulo é destaque nos dois períodos, em 2º lugar. Dos 10 destinos mais buscados, a maioria é para a região Nordeste do Brasil, com 5 destinos mencionados para o Natal e 7 para o Ano Novo. Em seguida, estão as regiões Sul (Florianópolis e Porto Alegre) e Sudeste (São Paulo, Rio de Janeiro e Belo Horizonte).

EVENTOS EM ALAGOAS

Após a pressão que recebeu nos últimos dias, o governo de Alagoas decidiu, enfim, liberar os grandes eventos a partir de outubro. A retomada, no entanto, será gradual e a previsão é de que, até dezembro, seja alcançada a capacidade máxima de público nos espaços, segundo decreto publicado na edição suplementar do Diário Oficial do Estado da última sexta-feira (24).

O Estado informou que a retomada será gradual e a limitação, inicial, será de 50% da capacidade do espaço. Em novembro, a lotação máxima passará a 80%, chegando a 100% em dezembro.

Para entrar nas arenas dos shows, o governo adianta que será necessária a comprovação da vacinação completa (duas doses). O público terá que apresentar o comprovante de vacina atualizado.

Também estão liberados para entrar aqueles que tomaram apenas a primeira dose do imunizante contra a Covid-19. No entanto, para estes, as casas de shows deverão exigir o teste RT-PCR negativado para coronavírus.

Fonte: TV Gazeta

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.