Alagoas teve 580 acidentes nas rodovias federais em 2021, segundo dados do Anuário da Polícia Rodoviária Federal (PRF). Segundo o documento, foram 91 mortes nas BRs do Estado. O texto informa, ainda, que foram 394 feridos leves, 227 feridos graves e 621 simplesmente feridos, nesses acidentes. No País, o número de acidentes soma 64.441 no ano passado, conforme o anuário.

Entre os Estados, Minas Gerais lidera com 8.308. Ainda sobre os números gerais do Brasil, os acidentes tiveram aumento de 1,40% em relação a 2020, quando a PRF registrou 63.548 casos.

Em relação aos últimos dez anos, entretanto, houve queda de 300%.

BRs COM MAIS ACIDENTES E MORTES

O anuário também elenca as dez rodovias com maior frequência de acidentes – elas representam 32% dos acidentes em todas as BRs no País.

Alagoas não aparece na lista. Veja:

  • BR 101/SC: 4.094;
  • BR 116/SP: 3.099;
  • BR 381/MG: 2.388;
  • BR 277/PR: 1.929;
  • BR 40/MG: 1.752;
  • BR 101/ES: 1.746;
  • BR 101/RJ: 1.658;
  • BR 376/PR: 1.654;
  • BR 116/RJ: 1.414;
  • BR 470/SC: 1.207.

INFRAÇÕES

O anuário aponta, ainda, as infrações mais cometidas no ano passado. Em Alagoas, foram registradas 42. 632 infrações em 2021. Segundo levantamento, foram 96 infrações por alcoolemia; 165 por recusa de alcoolemia; 1.563 por falta de capacete; 1.848 por falta de cinto de segurança; 3.439 por ultrapassagem indevida; 2.940 por alta velocidade e 32.580 por demais infrações. O anuário também elencou as rodovias com maiores números de infrações, mas, Alagoas, não consta na lista.

NACIONAL

Transitar em velocidade superior à máxima permitida em até 20% lidera o ranking, com 2.281.683 infrações em todo o País. Em segundo lugar, no Brasil, está transitar em velocidade superior à máxima permitida em mais de 20% até 50% (314.359), seguido por ultrapassar pela contramão em linha de divisão de fluxos opostos, contínua amarela (236.046).

DROGAS

O anuário também traz o número de apreensão de drogas.

A PRF registrou, em todo o país, uma apreensão recorde de cocaína nas rodovias federais em 2021, segundo levantamento. Foram 40 toneladas. Esse número é 25% maior do que o último recorde, que foi apreendido no ano de 2020. Em Alagoas, segundo o anuário, foram apreendidas 776 unidades de anfetaminas, 556,4510 kg de cocaína, 7,50000 kg de crack e 401,6050 kg de maconha.

Fonte: TV Gazeta

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.